CLP – DataViva: interpretação de dados para melhoria na tomada de decisão do setor público brasileiro
Notícias

DataViva: interpretação de dados para melhoria na tomada de decisão do setor público brasileiro

Artigo por Rafael Marques Pessoa - DataViva

Decidir quais políticas públicas devem ser mantidas e quais devem sofrer restrições de recursos em um momento de crise, ou definir em quais setores da economia deve-se investir para alavancar empregos, são alguns dos desafios dos prefeitos que assumem a gestão dos municípios brasileiros em 2017. Visando esclarecer o cenário - muitas vezes caótico - no qual essas decisões têm de ser tomadas, o acesso a informação tem o efeito direto de melhorar o entendimento dos gestores públicos sobre os problemas a serem enfrentados, os fatores que os influenciam e suas consequências sobre diferentes grupos populacionais.

Há outro efeito positivo do acesso a informações nas políticas públicas, menos óbvio, mas igualmente importante: a transparência de decisões e resultados. O acesso gratuito a dados do governo tem o potencial de tornar os serviços públicos mais eficientes, na medida em que permite a participação da sociedade na discussão sobre a melhor forma de abordar suas necessidades. Políticas públicas planejadas e acompanhadas com abertura e transparência são mais eficientes, adaptáveis a mudanças, integrais no enfrentamento dos problemas e tempestivas na resposta aos cidadãos.

No entanto, dificilmente se obtém informação qualificada no prazo adequado para suportar as decisões. Em um mundo dinâmico e veloz, a tomada de decisões com base em sólida evidência empírica se torna tarefa complicada. As ferramentas de coleta, armazenamento e disponibilização de dados avançaram sobremaneira nos últimos tempos, não obstante tal ampliação da capacidade da tecnologia nos leva a algumas questões: estamos preparados para a era do big data? Quais perguntas devem ser feitas aos dados? Como tratar e analisar grandes volumes de dados em tempo hábil? Quais bases de dados escolher? Como interpretar os dados?

O que se apresenta a seguir não consiste em panaceia e resposta para todas essas perguntas, mas direciona o olhar para o mercado externo, mercado de trabalho e perfil da educação das regiões brasileiras. Trata-se do DataViva, plataforma online, aberta e gratuita, que organiza bases de dados públicas em visualizações interativas. São informações sobre comércio internacional, atividades econômicas, ocupações, universidades e cursos técnicos de todas as localidades brasileiras para serem utilizados da forma que melhor servir ao tomador de decisão.

 

A ferramenta permite visualizar, por exemplo, qual a quantidade de empregos formais em cada atividade econômica do município de Araçatuba - SP, bem como a renda média total em cada atividade. É possível observar ainda a evolução desses indicadores ao longo do tempo.

 

Confira abaixo:

 

Fonte: http://dataviva.info/pt/location/4sp000100/wages

 

Quem é o público-alvo? Gestores, formuladores e avaliadores de políticas públicas. O que se quer? Fortalecer a cultura do uso de dados nas organizações públicas brasileiras, aprimorando a tomada de decisão. Em outras palavras, auxiliar gestores a se moverem do “achismo” para as evidências. Acesse: dataviva.info.

Assim como o DataViva, temos hoje diversas plataformas que auxilia a toma de decisão no setor pública em diversas áreas: educação, finanças municipais, saúde e dados gerais da cidade. Confira aqui o apanhado, realizado pelo CLP, de alguma dessas plataformas.

 

destaques
Ranking de Competitividade dos Estados 2017

Ranking de Competitividade dos Estados 2017

São 66 indicadores de abrangência nacional separados em 10 pilares que servem para balizar os gestores públicos de cada estado para alcançarem a...

Inscrições abertas para o Prêmio Excelência em Competitividade

Inscrições abertas para o Prêmio Excelência em Competitividade

Prêmio visa reconhecer os estados que têm desenvolvido políticas de impacto em Competitividade, dentro dos 10 temas que compõem os 10 pilares do...

Programa Goiás Mais Competitivo fecha semestre com resultados positivos

Programa Goiás Mais Competitivo fecha semestre com resultados positivos

Em reunião coordenada pelo vice-governador José Eliton, o secretariado apresentou o balanço dos primeiros meses do ano